A leucoplasia pilosa é uma lesão de aspecto esbranquiçado de ocorrência comum ao longo das bordas laterais da língua, predominantemente em pacientes portadores do vírus HIV, podendo também ser observada em pacientes transplantados pelo fato do uso de imunossupressores e usuários de drogas.  As evidências sugerem que a leucoplasia pilosa, representa uma infecção oportunista relacionada com a presença do virus Epstein-Barr, um herpesvírus, o mesmo causador da mononucleose. Uma observação importante é o fato desta lesão ter sido associada ao aparecimento subsequente ou concomitante da síndrome da imunodeficiência adquirida (AIDS) até em 80% dos casos. Várias outras condições bucais também tem sido descrita em aidéticos com frequencia superior à esperada.

    A presença de vírus nesta lesão foi confirmada, e o herpesvírus específico identificado como o vírus Epstein-Barr(VEB). Partículas virais foram localizadas no interior dos núcleos e citoplasma das células do epitélio bucal, na leucoplasia pilosa, com os estudos de hibridização com DNA sulino confirmado a presença do fenoma VEB. Os estudos também indicam que a replicação deste vírus particular ocorre na lesão da leucoplasia pilosa bucal. Antígenos VEB também podem ser encontrados em lesões malígnas epiteliais, tais como o carcinoma nasofaríngeo, mostrando que esse vírus  é capaz de alterar os tecidos epiteliais.

Tem sido descrita uma lesão branca enuditada que ocorre ao longo das bordas laterais da língua, predominantemente em homossexuais do sexo masculino. As evidências sugerem que esta forma particular de leucopasia, conhecida como leucoplasia pilosa, representa uma infecção oportunista relacionada com a presença do virus

Características

    O aspecto clínico da leucoplasia pilosa pode ser variável, tendo sido relatado o aparecimento bilateral. É característica uma superfície de contorno irregular, frequentemente pregueada ou corrugada. Outras lesões podem ser lisas e maculares. Na grande maioria dos casos relatados, as lesões estavam localizadas ao longo das bordas laterais da língua. Menos comumente as lesões se estendem para a superfície dorsal da língua, e raramente para a mucosa jugal, o assoalho da boca ou palato.

Sintomas

    Em geral não existem sintomas associados, embora uma superinfecção pela CANDIDA ALBICANS possa chamar atenção para a presença desta condição.Nos casos mais graves, em que todo o dorso da língua é envolvido pelo processo, o paciente pode notar a lesão e consultar o dentista.

Diagnóstico

    O diagnóstico clínico diferencial da leucoplasia pilosa inclui a leucoplasia associada ao uso do tabaco - mais comuns. Outras entidades que também pode ser consideradas são o líquen plano, a candidíase hiperplasica crônica e, possivelmente, a ração ceratótica associada a interações eletroquímicas.

Tratamento

    Não existe tratameto específico para a leucoplasia pilosa, embora seja importante confirmar o diagnóstico após sua identificação clínica. Estudos recentes indicam que aproximadamente 10% das pessoas com leucoplasia pilosa diagnósticada tinham AIDS na ocasião do diagnóstico, e outros 18%  apresentaram a doença dentro de 8 meses. A probabilidade de a AIDS se desenvolver em portadores de leucoplasia pilosa é aproximadamente 50%, aos 16 meses, e até de 80%, por volta de 30 meses, depois de feito o diagnóstico de leucoplasia pilosa.

Tags: , ,



Outros artigos relacionados ao tema

  • Língua Pilosa -Etiologia     O termo "língua pilosa branca" é inespecífico, clinicamente descritivo, referente a um...
  • Nevo branco esponjoso -Características clínica     O nevo branco esponjoso é uma condição hereditária autossômica dominante...
  • Língua negra pilosa -    Trata-se de um processo reativo resultante de vários fatores, entre eles radioterapia para cânce...
  • Atendimento odontológico ao paciente com HIV ou AIDS -    Como qualquer usuário dos serviços odontológicos, todo paciente soropositivo para o HIV ou com a...
7 comentários para “Leucoplasia pilosa”
  1. Gostei muito, estou pesquisando sobre lesões brancas da boca associado a hiperceratinização, gostaria de saber se voçês tem mais artigos.
    atenciosamente
    Dr. Tiago Spina

    Resposta
    Dr. Tiago,
    Os artigos que tenho disponíveis já estão publicados no site. Semanalmente publico novos artigos.
    Obrigada pela visita.
    Dra. Socorro Azevedo

  2. Dr. percebir ao redor da minha lingua bilateras que estao ficando enbraquiçada gostaria de saber se sao todos os casos de quem tem isso ser portadores do hiv e se e leocapilose pilosa?
    abrigado!

    Resposta
    Rafael,
    Só um exame clínico poderia dizer se é ou não leucoplasia. Como diz o artigo, cerca de 10% das pessoas com leucoplasia pilosa também são portadoras do HIV. Normalmente a leucoplasia pilosa aparece quando ocorre uma baixa da imunidade do organismo, como é o caso de pessoas portadoras do HIV, usuários de drogas e transplantados (pelo uso de imunossupressores).
    Dra. Socorro Azevedo

  3. olá doutor(a), gostaria de tirar uma dúvida, eu estava a uma semana atrás com gripe e a garganta inflamada, mas já estou melhor, mas por eu ficar sempre me olhando o tempo inteiro, eu reparei no fundo da minha língua quando eu abro ela, que ela está com uns carocinhos arredondados, e logo na frente da minha língua eu estou com pouca queimação, com minha língua meio amarga, e ainda sem apetite, gostaria de tirar essa dúvida, porque estou com muito medo.
    Obrigado.

  4. olá doutor(a), gostaria de tirar uma dúvida, eu estava a uma semana atrás com gripe, com sintomas de muito frio, pouca febre e tosse e falta de apetite, mas já estou melhor, mas por eu ficar sempre me olhando e me observando, verifiquei na minha língua logo no fundo umas bolinhas arredondadas, mas logo no fundo, e quando eu abri a boca para olhar bem lá dentro, verifiquei que tem uma coisa branca lá dentro tipo na garganta parecendo um dente para cima, não sem se é a garganta é assim mesmo, não estou sentindo nada, só mesmo hoje que verifiquei isso e estou com falta de apetite, isso é normal, por favor gostaria muito que me ajudasse, não sei se isso na línga também é causado por estresse ou outra coisa parecido, que tipo de médico eu procuro, pode me orientar, e outra, quando eu bebo água, a água está meio adocicada, e estou também com indisposição, obrigado, alisson coelho.

  5. DR.tenho um ferimento na ponta da lingua

  6. Boa tarde.
    Possuo a mesma dúvida da pessoa acima…porém só um lado da minha língua está com uma pequena parte branca.Acredito que eu morda a língua durante o sono e nos últimos 3 mêses tenho bebido bastante nas quintas feiras.Poderia isso ser pelas mordidas ou bebida?
    Obrigado

  7. maria c m neves diz:

    Ao ir ao dentista para tratar de em dente, ela me disse que eu estava com manchas esbranquiçadas nas gengivas e pediu-me para ir consultar-me com um especialista. Hoje fui ao especialista e ele me disse que provavelmente estou com leucoplasia, sugerindo que eu fizesse uma biópsia, o que farei. porem parei de fumar a 20 anos,não bebo e também não sou portadora do virus HIV. Será que estarei realmente com esse problema?

Gostou do artigo? Tem alguma dúvida? Deixe um comentário!

Você deve estar logado para publicar comentário Entrar »